Consultório odontológico: o que precisa para abrir?

Consultório odontológico: o que precisa para abrir?

Todo dentista que deseja se tornar empreendedor já deve ter feito essa pergunta sobre consultório odontológico: o que precisa para abrir?

Na verdade, são várias as variáveis envolvidas no processo de abertura de um consultório odontológico, que envolvem análise de mercado, localização, equipamentos, marketing, entre outros.

No artigo abaixo, preparamos um passo a passo com tudo o que é necessário para responder tudo o que precisa para abrir um consultório odontológico. Vamos conferir?

Por onde começar?

Muitos dentistas recém-formados vão trabalhar em algum consultório odontológico já existente, procurando atuar ao lado de um dentista mais experiente. Esta é sempre uma ótima escolha, e permite ao jovem dentista adquirir a experiência necessária.

Além disso, pode compreender melhor como é o dia a dia de um consultório odontológico, fluxo de pacientes, procedimentos mais procurados, estimativas de preço, entre diversos outros fatores que poderão ser bastante úteis em sua prática futura.

Depois de um tempo, é natural que o dentista queira ter seu próprio consultório. Afinal, já adquiriu ainda mais conhecimento, criou sua reserva financeira, e sente-se preparado para empreender.

Leia também::: Quanto custa abrir empresa no Rio de Janeiro?

Passo a passo para abrir uma clínica odontológica

Com a decisão de abrir seu consultório odontológico, é hora do profissional iniciar seu próprio negócio. E para isso, ele deverá seguir as seguintes etapas:

Escolha o local

Definir qual será o local que funcionará o seu consultório odontológico é de fundamental importância. Para isso, faça um estudo da região pretendida, qual o público existente, principais vias de fluxo de pessoas, locais para estacionamento, entre outros fatores.

Escolher o local é uma parte fundamental também para o processo de formalização do negócio. Afinal de contas, será necessário fazer uma consulta prévia na Prefeitura da sua cidade para verificar se no local escolhido é permitida a abertura de empreendimentos comerciais.

Caso não seja possível, você evita ter de pagar um aluguel por um lugar que não poderá usar. Por isso, mapeie o local e verifique sempre as possibilidades e restrições da área. E se for permitido, adquira ou alugue o espaço.

Compra de equipamentos

O próximo passo será a compra dos equipamentos necessários. A lista é grande, mas são essenciais para o trabalho. Entre os itens estão:

  • Cadeira Odontológica
  • Bomba a vácuo
  • Autoclave
  • Seladora
  • Fotopolimerizador
  • Compressor
  • Kit alta e baixa rotação 
  • Raio X Odontológico + Colete de Chumbo
  • Câmara Escura
  • Negatoscópio

Esses são apenas os itens básicos para você abrir seu consultório odontológico. É necessário ainda considerar móveis e outros equipamentos que deverão compor sua recepção e sua sala de espera.

E além dos equipamentos e mobiliário, você também precisará adquirir os materiais de consumo, tais como IRM, Ionômero de vidro, Resinas, Pasta de polimento resinas, Tiras de poliéster, entre outros.

Legalização

Um consultório odontológico é como uma empresa, e como tal, deverá ter seu CNPJ. Para isso, é necessário formalizar seu negócio e o melhor caminho é contar com o apoio de um escritório contábil.

Em geral, os escritórios contam com uma equipe dedicada para auxiliar em todo o processo burocrático de abertura. Inclusive, aqui na Contabiliza Rio somos especialistas na abertura de empresas na área da saúde, com atenção especial às normas e legislações que regem o setor.

Nesse momento de abertura, além de toda a documentação envolvida, será necessário definir o regime tributário, que é como serão pagos os impostos. De modo geral, as opções são:

  • Simples Nacional
  • Lucro Presumido
  • Lucro Real

Cada um tem suas particularidades e a orientação do contador nesse momento é de fundamental importância para evitar que você pague impostos além do necessário. Ou então deixe de recolher determinado tributo, que pode trazer consequências graves ao seu consultório.

Leia também::: Como abrir uma microempresa: Confira o passo a passo

Conte com a Contabiliza Rio

Como você acompanhou, abrir um consultório odontológico não é um processo tão simples. Afinal, é preciso estar atento também às legislações sanitárias, que são essenciais para que você possa obter seu alvará de funcionamento.

Porém, ao contar com a Contabiliza Rio ao seu lado, todo o processo se torna mais fácil e menos burocrático. Afinal, nossa equipe é especialista na abertura de empresas e cuidará de todos os aspectos, enquanto você pode dedicar atenção para outras áreas, como a compra dos móveis e equipamentos e preparação do espaço que receberá seu consultório.

Esperamos que suas dúvidas sobre consultório odontológico, o que precisa para abrir, tenham sido respondidas. E para que o processo aconteça da melhor forma, conte com a parceria da Contabiliza Rio! É só entrar em contato.

Comentários