Como funciona para emitir nota carioca?

Como funciona para emitir nota carioca?

Todo prestador de serviço que mora na cidade do Rio de Janeiro deve emitir a nota fiscal de serviço eletrônica, também conhecida como Nota Carioca. Para isso, basta acessar o site do Nota Fiscal Carioca.

Isso é essencial para a regularidade da sua empresa, e permite que haja um controle tributário das suas operações. No caso de empresas não-prestadoras de serviço, o controle tributário é feito pelo Governo do Estado.

Por meio do sistema, tudo é bastante prático e rápido. Quer saber como fazer? Confira abaixo!

Como emitir nota fiscal carioca?

Quem presta serviço no Rio de Janeiro deve emitir suas notas fiscais por meio do sistema da Prefeitura do Rio. Abaixo, preparamos um passo a passo, ensinando como é o processo.

Passo 1: Se cadastre na Prefeitura

O primeiro passo para emitir a Nota Fiscal Carioca é fazendo o cadastro da sua empresa na Prefeitura do Rio. Por meio do cadastro, você recebe um acesso ao sistema emissor. 

Esse cadastro deve ser feito tanto pelas empresas que optam pelo Simples Nacional, quanto às empresas enquadradas em outros regimes tributários. No caso de microempreendedor individual (MEI), o cadastro é opcional.

Importante frisar que se sua empresa tem mais de seis meses, e ainda não possui cadastro, será necessário usar o certificado digital para emitir a Nota Fiscal Carioca.

Leia também::: Quais os prazos para abrir uma empresa no Rio de Janeiro?

Passo 2: Acesse o sistema 

Feito o cadastro, você deve acessar o sistema de emissão de notas do Rio de Janeiro, chamado de Nota Fiscal Carioca. No site, você deve preencher seu CNPJ e digitar sua senha, que foi gerada no cadastramento.

Importante lembrar que a solicitação da senha pode ser feita no próprio portal. Para isso, é só clicar na opção “Não possui senha”.

Você então preenche o formulário e aguarda o recebimento da senha, que será enviado por meio do e-mail cadastrado. 

Passo 3: Opção para emitir nota fiscal

Ao acessar o sistema, haverá um menu lateral do lado esquerdo, com algumas opções, como configuração, verificação do Simples Nacional, guias de pagamento, entre outras opções.

Uma das opções do menu é “Emitir NFS-e”, que é a opção para emitir a Nota Fiscal Carioca. No menu também é possível consultar notas já emitidas. 

Passo 4: Preencha as informações

Ao acessar o menu “Emitir NFS-e”, aparecerá uma série de campos que deverão ser preenchidos. O primeiro dado é o CPF ou CNPJ do cliente da sua empresa, no campo Dados do Tomador.

Em geral, ao preencher essa informação, outros dados serão preenchidos automaticamente, por já estarem cadastrados no sistema. Caso isso não ocorra, é necessário digitar as informações manualmente, como endereço, razão social, CPF, entre outros. 

Feito isso, é necessário preencher informações sobre o serviço prestado, quantidade e valor. 

No campo “Discriminação dos Serviços”, é possível inserir outras informações uteis, como ordem de compra, código de fatura e dados bancários. 

O campo de ISS é preenchido automaticamente, de acordo com a atividade cadastrada da sua empresa.

Passo 5: Confira os dados e emita

Ao final, revise todas as informações que foram preenchidas, para evitar ter de cancelar a nota fiscal por algum erro. 

Caso esteja tudo ok, é só emitir a Nota Fiscal Carioca. Além disso, é possível fazer o download do arquivo em PDF ou XML.

Aproveite os benefícios

Como você viu, não há muito segredo ao emitir a nota carioca. O sistema é bastante intuitivo e seguindo o passo-a-passo, não tem erro.

Mas caso você precise de ajuda, conte sempre com um contador. Aqui na ContabilizaRIO temos uma equipe que pode cuidar de todo o processo para você. Assim sobra mais tempo para que se dedique a outras áreas da sua empresa, enquanto nossa equipe cuida desses aspectos legais e tributários.

Esperamos que tenha gostado do artigo. E caso precise de ajuda, entre em contato agora mesmo com nossa equipe da ContabilizaRIO.

Comentários