Como reduzir custos da clínica?

Uma boa gestão em qualquer empresa requer controle rígido das finanças. Qualquer desperdício pode representar um pouco a mais no processo de falência do negócio. Por isso, reduzir custos da clínica pode ser um passo importante para garantir sua sobrevivência no mercado. Mas falar em reduzir custos da clínica não significa cortar tudo o que […]

Como reduzir custos da clínica?

Uma boa gestão em qualquer empresa requer controle rígido das finanças. Qualquer desperdício pode representar um pouco a mais no processo de falência do negócio. Por isso, reduzir custos da clínica pode ser um passo importante para garantir sua sobrevivência no mercado.

Mas falar em reduzir custos da clínica não significa cortar tudo o que é considerado desnecessário. As medidas precisam ser feitas de forma a não prejudicar os serviços prestados, para que isso não cause um efeito contrário junto aos pacientes

Para você conhecer algumas medidas que podem auxiliar na redução de custos da clínica, preparamos 7 dicas de ouro para você. Confira!

1. Automatize

Uma forma eficiente de reduzir os custos da clínica é automatizando processos. Com o uso de softwares específicos, é possível agilizar algumas tarefas e inclusive realocar ou mesmo reduzir o número de funcionários. Claro que para isso será necessário antes fazer um investimento na compra do programa, mas que em médio/longo prazo se mostra vantajoso.

2. Use a tecnologia

Sua clínica ainda usa o telefone para confirmar a consulta com os pacientes? Você sabia que esse custo pode ser reduzido drasticamente com o uso da tecnologia. Com a adoção do WhatsApp, você pode enviar mensagens para os pacientes com lembretes sobre as consultas de forma profissional. Mas use o modelo Business do aplicativo, para que tal ação seja feita de forma profissional.

3. Gestão eficiente

As clínicas médicas possuem uma contabilidade extremamente complexa e que, qualquer erro, pode comprometer toda a gestão financeira da sua clínica. Impostos, taxas e outros detalhes requerem atenção redobrada. Por isso, uma forma de reduzir os custos é delegar toda a gestão contábil e financeira a uma contabilidade que seja especialista em clínicas. Além de garantir que toda a legislação está sendo seguida à risca, os gestores passam a ter tempo extra para atuar no sucesso da empresa.

4. Reavalie seu RH

Faça um amplo levantamento das atividades realizadas pelo seus funcionários, se não há ociosidade ou atividades que possam ser remanejadas para outros colaboradores da sua empresa. Caso veja que é possível dispensar alguma peça na sua equipe, essa pode ser uma boa alternativa para redução de custos na clínica.

Porém, toda dispensa deve ser bem analisada previamente. Lembre-se que houve todo um investimento na capacitação do funcionário e, caso aumente a demanda em sua clínica, você precisará contratar e capacitar outra pessoa novamente. 

5. Nas pequenas coisas

Reduzir custos da clínica nem sempre é apenas nos grandes gastos. Às vezes, atividades e ações simples podem resultar numa enorme economia ao final do mês. A adoção de canecas para os funcionários, a instalação de sensores de movimento para controle das luzes de salas — cujas lâmpadas podem ser trocadas para de LED —, a troca de cortinas para permitir maior iluminação natural, entre outras, podem representar significativa redução dos custos da clínica.

Além disso, incentive seus funcionários a adotarem medidas de conscientização do uso de material de expediente. Para isso, crie até mesmo campanhas internas que possam servir de estímulo a ações sustentáveis na clínica.

6. Terceirize serviços

Muitas atividades desenvolvidas na clínica podem ser terceirizadas, ao invés de contratar alguém exclusivo para sua execução. Um dos exemplos que já citamos é a gestão financeira, que pode ser terceirizada com um escritório de contabilidade. 

Outras atividades, como a limpeza e a segurança, não precisam ser realizados por pessoas contratadas diretamente por sua empresa. Pelo regime CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas), você terá todos os custos embutidos. Com a contratação de PJ (Pessoa Jurídica), você deixa de gastar com os encargos trabalhistas.

7. Controle o estoque

Um controle eficiente do estoque é outro ponto fundamental para reduzir custos da clínica. Para isso, novamente invista em um software de gestão que auxilie neste controle, evitando que você compre demais determinado produto, enquanto outro essencial fique em falta. Com tal software, é possível ainda ter controle rígido de prazos de validade e outras informações essenciais sobre cada item, evitando seu desperdício.

Como você viu, medidas simples podem ajudar na redução dos custos da clínica e fazer com que o faturamento possa ser ampliado. Assim, você pode ter maior folga orçamentária, ou então usar esse dinheiro extra para reaplicar no crescimento de sua empresa.

Na área da gestão contábil e financeira, você pode contar com a Contabiliza RIO como parceira na otimização dos processos e para a melhor tomada de decisão. Por isso, reduzir custos da clínica pode ser uma atitude que você pode começar hoje mesmo! Que tal?

Comentários